0013 - New York, New York - Cat Power [2008]


Cidades especiais merecem músicas especiais. A vida dessas cidades se confunde com a vida dos compositores que escrevem obras-primas para homenagear estas cidades. E a unicidade das pessoas com seu ambiente os inspiram a expressar uma verdadeira relação de amor entre cidades e compositores. Relação esta já apresentada por diversos compositores como a de Adoniran com São Paulo, a de Tom Jobim com o Rio de Janeiro, a relação de Gardel com a cidade de Buenos Aires e a relação de John Kander e Fred Ebb com Nova Iorque.

E poucas músicas expressam tão bem o espírito de uma cidade como New York, New York. A pedido de Martin Scorcese, a dupla Kander e Ebb compôs esta canção que transmite o verdadeiro espírito da cidade: um lugar onde as pessoas sempre preservam a esperança de alcançar o sucesso e conseguir uma vida melhor; um lugar onde as pessoas nunca descansam para transformar sonhos em realidade.

Composta originalmente para o filme New York, New York de 1977, a canção de Kander e Ebb era para ser interpretada inicialmente pelo ator Robert De Niro. No entanto, ele a considerou muito fraca e daí os produtores passaram a música para a cantora e atriz Liza Minelli. Entretanto, a canção só tornou-se um grande sucesso mesmo quando Frank Sinatra resolveu colocá-la num show em 1978.


Trinta anos depois da primeira interpretação de Sinatra, a cantora americana Cat Power lançou seu oitavo álbum chamdo Jukebox. Este trabalho conta com uma versão de New York, New York. Apesar da interpretação de Cat não ter a mesma grandiloqüência que a interpretação de Frank, a moça conseguiu imprimir sua marca na canção, aproximando-a mais do jazz e do soul. Algo mais intimista para uma canção que representa praticamente toda uma nação.


Persiolino

Um comentário:

  1. toda essa história da música pra mim é novidade! pra mim era do sinatra e pronto rss

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!