0116 - Addicted To Love - Tina Turner [1988]

Robert Palmer foi um cantor inglês de sucesso na década de '80, embora aqui no Brasil seu único sucesso solo, até onde me recordo ou pude apurar, foi exatamente Addicted To Love, faixa essa que ficou para sempre associada à sua imagem. Trata-se de um rock simples, porém muito eficiente, falando do amor em sua face mais lasciva. Foi lançada em 1986 e fez bastante sucesso mundial, inclusive aqui no Brasil (os viventes da época devem se lembrar), tanto em razão da música em si quanto de seu videoclipe, para o qual formou uma "banda" de modelos que faziam caras e bocas, e mímica da música.

Curiosidade: parece que um músico foi contratado para ensinar às garotas um pouco sobre técnicas de como segurar os instrumentos e fazer parece que realmente estavam tocando, mas ele teria desistido após pouco mais de uma hora de tentativas. O resultado é o que se vê: falta de sincronia entre as modelos e "música mágica" que sai dos instrumentos sem que eles sejam tocados. Mesmo assim, sempre achei o videoclipe "duca".


Tina Turner incluiu o número no setlist de sua turnê de 1986/87, registrada no álbum Tina: Live in Europe (1988) e, desde então, nunca mais largou, tendo se tornado número certo em seus shows pelas décadas seguintes. A versão de Tina, obviamente, é sensacional e cheia de energia, mas tenho de confessar que tenho um apego maior à versão original.


PS: Mais uma curiosidade...o sucesso de 1988 Wild Thing, de Tone Loc, faz óbvia citação/homenagem ao conceito do videoclipe de Addicted To Love. Vale dar uma olhada, mas como não tem relação com o escopo no nosso espaço, mando somente o link para quem se interessar: Tone Loc - Wild Thing

Varotto

2 comentários:

  1. uau! nõa tinha visto esse aqui! foi o carnaval rss
    eu acho que essa música tocava naquele filme tosco do Tom Cruise (qual deles? não é? rss) Cocktail rss

    ResponderExcluir
  2. Não me lembro dessa. Vou procurar...

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!