Trash Covers - O U2 pelo Calcinha Preta

Neste 11 de Setembro: Bomba, Bomba...

Navegando pelo ótimo site Hit Na Rede, comandado pela blogueira Cler Oliveira, acabei de descobrir que existe mais de um remake do U2 gravada pela banda de forró Calcinha Preta - Boooooommmm! POF! OK, sei que muitas pessoas gostam da banda Calcinha Preta. Respeito. Mas puxa vida, por que escolheram justamente uma canção do U2 para fazer uma cover? Pior! Escolheram logo duas!?!? Este pessoal do Calcinha Preta viu!!!

Já ouvi ótimas versões do próprio U2 para alguns clássicos do rock'n'roll. Assim como também já ouvi boas versões de outras bandas, como o R.E.M. e o Radiohead, para as canções originalmente compostas Bono e companhia.

Agora isto não é nada perto dos êxitos do Calcinha Preta. Após conseguir ser a primeira banda de forró a ter uma canção incluída numa trilha sonora de novela Global - lembram-se do hit "Você não vale nada, mas eu gosto de você"? - o Calcinha Preta é também a primeira banda de forró no mundo a criar releituras da banda irlandesa.

Sinceramente, acho até legal que as mentes criativas do Calcinha Preta sejam abastecidas por canções do U2. Mas bem que estes Sergipanos poderiam não produzir insights sobre elas né...

A primeira cover feita pelo Calcinha Preta de uma canção do U2 chama-se Fique Amor, do disco Calcinha Preta Vol.10 - A Gente Se Vê Lá (2003) uma releitura do clássico The Unforgettable Fire.


E para completar, aí vai uma versão ao vivo da canção One gravada em 2009, batizada como Único Amor. A letra desta releitura chega ser praticamente um verdadeiro "atentado musical”:

"Você parece uma artista
E eu pareço com você
E é assim que a gente realiza
Nossas noites de prazer"

(Aff...)


PS: Cler, bem que poderíamos ficar sem essa né... (rs)

Persiolino

5 comentários:

  1. Pior que "Único Amor" nem ficou no ritmo de forró, foi só uma versão em português ruinzona mesmo.
    Em MG fui numa festa junina que tinha uma versão forró de "Beat it", do Michael Jackson, e o refrão era "pirei, pirei" hahaha.

    ResponderExcluir
  2. Essa é situação original de onde saiu a expressão "vergonha alheia"...gosto é gosto mas WTF??? Pelo amor neh, ninguém merece estragarem um clássico como one...nem consegui ouvir, só pelo 'calcinha preeetaaa no começo já me injuriei, prefiro ficar com boas lembranças dessa melodia...rsrs

    ResponderExcluir
  3. Agora eu já vi tudo. Posso morrer...

    ResponderExcluir
  4. Passei muito tempo sem conseguir escutar The Unforgettable Fire por causa dessa versão! Só superei o trauma depois de uns 8 anos!

    ResponderExcluir
  5. Erica,
    Entendemos o seu o trauma (rs.) e ficamos felizes em saber que vc o superou...
    É por isto que colocamos este tópico aqui no blog. Para que as pessoas consigam "superar" estes traumas heheheheh e fiquem alerta para outras "bagaceiras" que existem neste mundo musical putrefato!!!

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!