Encontre sua cover

Carregando...

domingo, dezembro 12, 2010

0193 - É Proibido Fumar - Skank [1994]

Roberto Carlos é um desses cantores que você só ouvia porque seu pai ou sua mãe (ou os dois) gostavam muito. Pelo menos foi assim comigo, filha de um fã do cantor. No entanto, nunca acompanhei a carreira do "Rei" e não me esforcei para conhecer suas composições e saber o porquê de sua importância para a música brasileira. O mais próximo que chegava disso era por meio de covers gravados por grupos de pop rock como Titãs, Jota Quest e, claro, Skank

Antes de o Skank ter a ótima ideia de gravar É Proibido Fumar e incluí-la em Calango (um dos álbuns nacionais mais importantes da década de 1990, na minha opinião), Rita Lee, Raul Seixas e O Terço já haviam dado uma palhinha da música escrita por Roberto e Erasmo Carlos em 1964. Na época, ela era considerada exemplo do puro rock'n'roll brasileiro. Hoje, é pura Jovem Guarda.


Se atualmente o Skank não agrada tanto os meus ouvidos, há cerca de uma década era uma das bandas que eu mais adorava. Já estive em dois shows do grupo mineiro e o considero um dos mais criativos e talentosos do País. Como se não bastasse ter músicas próprias com ótimas letras e melodias, as versões que gravaram fizeram jus às originais de artistas como Bob Dylan, The Police e Gilberto Gil

A cover de É Proibido Fumar marca o encontro entre a Jovem Guarda e o ska. Modernizou Roberto Carlos e levou sua música para uma geração bem mais nova numa época em que a MTV Brasil largava o andador e começava a caminhar com suas próprias pernas, lançando novas bandas e artistas brasileiros ao invés de recorrer exclusivamente aos videos gringos. E para ajudar a carreira do Skank, Pacato Cidadão (música lançada um pouco antes de É Proibido Fumar)  havia aberto as portas para o sucesso do grupo nas FMs e nos programas de TV. Bons tempos.


Observação: Infelizmente o videoclipe original do Skank está bloqueado para compartilhar no YouTube. Leis de direitos autorais, gravadoras egoístas e muita mesquinharia prejudicam o simples ato de divulgar uma cover sem a intenção de lucrar um centavo com isso.

2 comentários:

  1. O Skank regravou um sucesso do Roberto Carlos e deu um toque final que faltava a música,a uma vez que na minha modesta opinião Roberto Carlos é grande compositor, mas deixa a desejat como intérprete.
    Vou me tornar seguidor do seu blog agora e aguardo sua visita ao meu blog: http://visaodeumburrachosolitario.blogspot.com/
    Abrax. Inté.

    ResponderExcluir
  2. a música também ficou beeem dançante... fui muito em balada que tocava essa e o povo respondia qdo ele falava 'é proibido fumar' : maconha uauahaahhaha
    cada uma que eu lembro rs

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!