0227 - Mercy, Mercy Me (The Ecology) - The Strokes, Eddie Vedder & Josh Homme [2006]

Com um talento tão grande a ponto de lhe render a alcunha de Príncipe do Soul, Marvin Gaye (1938-1984) começou a carreira como baterista de estúdio. Alguns anos mais tarde, na década de 1960, ele se tornaria o artista solo de maior vendagem na lendária Motown.

Em 1971, o cantor lançou o álbum What's Going On, tendo como contexto a Guerra do Vietnã. Politizado, o trabalho é recheado de músicas cujas letras buscavam um despertar da consciência social dos cidadãos norte-americanos, fazendo com que refletissem no que estava acontecendo naquele momento. Por exemplo, o tema do segundo single, Mercy, Mercy Me (The Ecology), é o meio-ambiente. Dentre os problemas mencionados pela letra estão a poluição do ar e dos oceanos, com menção ao vazamento de óleo e à radição - aliás, algo que, infelizmente, ainda é bastante atual.

Por isso, o cantor aproveitou a voz única que tinha e o poder que exercia sobre o público para tornar as pessoas conscientes do mundo no qual viviam (diria que é algo semelhante ao que Bono Vox, do U2, faz há duas décadas).


A atualidade de Mercy, Mercy Me (The Ecology) levou uma das maiores bandas da década passada a gravá-la: The Strokes. Com a participação de Eddie Vedder (Pearl Jam) nos vocais e de Josh Homme (Queens of the Stone Age e Them Crooked Vultures) na guitarra, a música foi lançada como lado B do single de You Only Live Once. Como se não bastasse o "lado A" por si ser ótimo, o lado B também está à altura.

O igualmente politizado Eddie Vedder não poderia deixar de colaborar com a cover e o solo de guitarra de Josh Homme acrescenta mais força ao trabalho competente de Albert Hammond Jr. Pode não proporcionar a mesma leveza da original de Marvin Gaye, mas pelo menos utiliza das artimanhas roqueiras desse início do século XXI e explora bem o potencial dos colaboradores.

Anômima

Um comentário:

Comente aqui!!!