0229 - Everywhere - Vampire Weekend [2008]

Formado em 1967, em Londres, o Fleetwood Mac é uma dessas bandas que pouca gente (ao menos no Brasil) consegue associar o nome à música, mas vira e mexe está presente em coletâneas de clássicos do pop rock. Apesar de ainda estar em atividade, o grupo lançou o último álbum de inéditas, Say You Will, em 2003. Desse tempo pra cá, compilações, turnês e um álbum ao vivo levaram o nome do Fleetwood Mac. Aliás, a alcunha da banda vem dos sobrenomes do baterista, Mick Fleetwood (único membro que está no grupo desde o começo), e do baixista John McVie, que apesar de tocar até hoje entrou na banda um pouco depois de ser fundada. Atualmente, completam o Fleetwood Mac o guitarrista Lindsey Buckingham e a vocalista Stevie Nicks.  

A música Everywhere, do álbum Tango In The Night, de 1987, não é o maior sucesso da banda, mas figura entre seus hits. A música em si não tem nada de especial, nem a melodia é dessas que gruda na cabeça. É bastante datada (puro pop dos anos 1980), com aquelas batidas coadjuvantes e nenhum riff de guitarra que se destaque. Só o refrão permanece um pouco na cabeça. Nota: a outra integrante que aparece no vídeo é a tecladista Christine McVie.


Confesso que a primeira vez que vi o nome Vampire Weekend imaginei se tratar de um grupo emo no mesmo estilo de My Chemical Romance. Talvez tenha associado a palavra "vampire" à modinha literária e cinematográfica de vampiros, que agora parece estar decaindo para dar lugar a algum outro tema que faça a cabeça dos jovens. Esse preconceito caiu por água abaixo quando ouvi Run e me senti na obrigação de dar replay. Movida pela curiosidade, procurei pelo álbum que contém a música e gostei tanto que vira e mexe coloco para escutar. São melodias e letras despretensiosas, mas cativantes - assim como a voz doce de Ezra Koenig.

O quarteto indie originário de Nova York tocou a cover de Everywhere em um programa de rádio australiano, em 2008. A versão à la Vampire Weekend acentua a linha de baixo original e tem batidas mais fortes, é realmente mais dançante como a maioria das músicas dessa ótima banda. E nem preciso falar do vocal de Koenig, encantador como de costume. 

Anômima

3 comentários:

  1. também nunca tinha ouvido a banda pelo mesmo preconceito... agora mudou de figura pra mim também ;)

    ResponderExcluir
  2. nossa, impressionante como alguns covers dão uma vida nova à música, confeso que essa é uma das minhas preferidas do fleetwood mac!

    ResponderExcluir
  3. "Everywhere" é um dos maiores clássicos do FM. Na Europa, ainda é bastante tocada nas rádios e pubs, inclusive em remixes maravilhosos. A canção é considerada, de acordo com o Pitchfork uma das 200 melhores canções dos anos 80. E sim, ela tem um refrão e melodia contagiantes.

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!