0248 - Girl U Want - Soundgarden [1991]

Akron, uma cidade norte-americana de médio porte, com cerca de 200 mil habitantes, no estado de Ohio, pode não significar muita coisa para o leitor. Porém, foi lá que uma banda esquisita chamada Devo se formou, em 1973, além de ser a terra natal de Chrissie Hynde, do Pretenders. Quase trinta anos depois, mais um ícone musical famoso levaria o nome da cidade para o mundo, mas isso é história para outro post.

O Devo é um daqueles grupos do tipo "ame ou torça o nariz". Símbolo do movimento New Wave, o quinteto chamava a atenção pelos figurinos e dancinhas pós-modernas. As músicas marcadas pelo rock eletrônico atraíram uma legião de fãs fiéis, fascinados pelo grupo cujo nome deriva da expressão de-evolution, um conceito que afirma a regressão da humanidade, ao invés de continuar a evoluir. Tratando-se de universitários com visão crítica de uma sociedade paranoica com a Guerra Fria, é fácil entender como o Devo conseguiu chamar a atenção até de David Bowie e Iggy Pop, fazendo algo novo e diferente.

Em 1980, a banda lançou o terceiro álbum, Freedom of Choice, que trabalhou ainda mais com os sons tirados de sintetizadores. Inspirada em My Sharona, do The Knack, Girl U Want foi o primeiro single (é possível perceber as semelhanças entre as músicas tanto nos riffs quanto na letra, sobre uma mulher que desperta desejos). 


Em 1995, o Devo relançou Girl U Want para a trilha do filme Tank Girl, baseado no quadrinho adulto criado por Alan Martin e Jamie Hewlett. Mas como aqui é um espaço para covers, e não relançamentos, vamos falar do que interessa: a regravação grunge do Soundgarden, de Seattle (outra cidade berço de importantes bandas de rock). No auge do movimento que inseriu a maior cidade do estado de Washington na pauta da imprensa especializada em música, o quarteto lançou o álbum Badmotorfinger (1991), de onde saiu Outshined. No lado B desse single, o grupo incluiu Girl U Want.

Trocando os característicos sintetizadores usados pelo Devo por riffs de guitarra mais crus, a banda deixou a música mais pesada, com batidas fortes e o apoio do melhor intérprete do movimento grunge (para mim, nem Eddie Vedder canta tão bem quanto Chris Cornell). A ótima versão de Girl U Want poderia até mesmo ser um single, mas a opção escolhida pela banda fez com que somente os fãs do grupo a conhecesse - ou os curiosos em busca de covers.


Anômima

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui!!!