Trash Covers - Os Abelhudos - Ao Mestre Com Carinho

Nada como comemorar bem o dia dos professores!

Quem aqui nunca, pelo menos, ouviu falar do filme Ao Mestre Com Carinho (To Sir With Love), drama britânico, com Sidney Poitier, de 1966 ?

A história mostra a vida difícil de um professor negro numa região podre de Londres. Seus alunos são problemáticos e o filme toca no assunto do racismo, pois a maioria dos alunos da escola são brancos e, no começo, não aceitam bem o novo professor, assim como a maioria da comunidade da região da escola.

Sidney Poitier foi o primeiro ator negro a ganhar um Oscar, em 1963, por Lilies of the Field (Uma Voz nas Sombras) e também trabalhou em outros filmes marcantes que retratam o racismo, como (eu acredito o mais famoso depois deste aqui): Adivinhe Quem Vem Para Jantar (Guess Who's Coming to Dinner) de 1967.

Voltando ao filme, a história é inspirada no livro de E. R. Braithwaite, escritor, professor e diplomata da Nova Guiné e que conta fatos que realmente aconteceram com ele enquanto trabalhou como professor em East End (Londres).

A questão da dificuldade de ser aceito por ser negro, tanto com alunos como para arrumar um emprego, as questões e problemas sociais vividos por jovens de comunidades pobres estão todos lá, isso num livro de 1959 e um filme de 1966!

O tema musical tem o mesmo nome do filme e é interpretado pela atriz e cantora escocesa Lulu, que é até hoje uma celebridade na TV britânica, apresentando programas e fazendo participações especiais como em Absolutely Fabulous.

Se você nunca viu o filme, esse trecho da música também contém spoiler...


Os Abelhudos surgiram na década de 1980, mais exatamente em 85, e participaram do Festival dos Festivais, programa da Rede Globo para reviver os festivais da década de 1960, que tantos astros descobriram... A versão global tinha esse grupo infantil como concorrente, cantando O Dono da Terra, e houve quem apostasse na vitória deles, afinal, dois filhos de um ex-Golden Boys (grupo musical dos anos 60) e que também era o produtor deste mesmo programa da Globo, seria difícil perderem... mas perderam! (justiça finalmente! rs).

Perderam para Tetê Spíndola e seu Escrito nas Estrelas que causou... causou MESMO por ter na letra a palavra tesão... ninguém poderia falar aquilo... final da ditadura, e mesmo assim horrorizava senhoras recatadas! E toda a criançada abelhuda (rsrs) queria saber: mãe! o que é tesão?

A criançada perdeu e continuou na ativa (para tristeza de algumas crianças como eu que os achava muito exibidinhos rs) e chegaram a lançar um quarto LP em 1989, com essa versão tão singela para a música da Lulu, porque se eles perderam no festival, professores ganharam essa versão fdp para tocarem todo ano para eles no seu dia tão triste... cada dia mais triste... mas pra quem mereceu uma versão como essa, e todo o resto, estamos aguentando bem, né?


Parabéns a todos os professores que como eu odeiam essa versão mequetrefe com voz fanha. Os que gostam dessa versão, desculpem, mas merecem o mau salário e todo o resto rs (só pelo mau gosto).

Menina Enciclopédia

3 comentários:

  1. Eu lembrao que a música em português tocou na minha formatura do pré. Mas não eram essas crianças que cantavam, não.

    ResponderExcluir
  2. acho q era uma outra versão, parece q a Eliana tb gravou...argh! rs

    ResponderExcluir
  3. Olha, está versão dos Abelhudos é a campeã.

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!