0281 - You've Lost That Lovin' Feelin' - Johnny Rivers [1966]

Bem, a verdade é que a postagem era pra ser de uma música cantada por Johnny Rivers que a tornou muito famosa e uma cover dessa mesma música que eu acho inusitada, mas fica pra próxima postagem, podem contar com isso! (alguns já devem ter adivinhado qual é...)

Enquanto fazia a pesquisa sobre Johnny Rivers, descobri um feito mais importante, só que com outra música, a desta postagem, ela é original dos Righteous Brothers e a versão de Rivers só fez sucesso no Brasil, até o próprio Johnny não entende o porquê disso, mas achei tão intrigante que resolvi postar primeiro sobre essa música aqui.

Os Righteous Brothers não são irmãos (como eu acreditava), na verdade o nome veio de uma frase gritada por um soldado no meio da plateia num show dos caras: That was righteous, brothers! A dupla composta por Bill Medley (que você conhece cantando (I've had) The time of my life do filme Dirty Dacing) e Bobby Hatfield em 1963. Um ano antes começaram como um trio, chamado Paramours, juntamente com Johnny Wimber.

Tanto como trio, como dupla, começaram num selo pequeno, mas em 1965 veio a consagração, exatamente com a música desta postagem, produzida e co-escrita por ninguém menos que Phil Spector, que chamou para os backing vocals Cher.

Não é à toa que ela é considerada a música mais tocada em rádios até hoje: 8 milhões de vezes!


A música voltou a fazer sucesso em 1986 quando fez parte da trilha de Top Gun.

Se você considerar que Tom Cruise estava lindo e a cena quente dele com Kelly McGillis vai entender o porquê do sucesso - falou agora a adolescente que assistiu ao filme na tv nos anos 90 - porque o filme é muuuito chato! Ou tem que ser patriota doente e/ou fã de aviões para gostar. A dupla se separou em 1968, mas fizeram algumas apresentações reunidos ao longo dos anos. As carreiras solo não causaram o mesmo impacto da dupla e Hatfield faleceu em 2003.

Como eu havia falado no começo, toda essa postagem começou por causa do nova-iorquino John Henry Ramistella, que aos 5 anos de idade mudou para Louisiana e aos 17 anos foi para Nashville fazer algumas gravações. Ali trabalhou com famosos do country e foi seguir carreira em Los Angeles, no bar Gazzari's, onde predominava o jazz.

Johnny Rivers começou a fazer versões de Chuck Berry, em 1963, e o bar começou a ficar famoso e muito frequentado. No ano seguinte, o dono do bar Whiskey a Go Go (uia!) o contratou por um ano para tocar no bairro de Hollywood. Daí para discos com  mais covers para com mais composições próprias foi um pulo.

Mesmo com a famosa invasão britânica na música, Rivers foi um dos cantores que mais vendeu e se igualou em números aos britânicos, na época. Como Rivers começou cantando covers, em todos os álbuns dele há uma homenagem a algum dos seus ídolos ou mesmo canções que faziam muito sucesso com outros artistas, tanto que I've Lost that Lovin' Feelin' não é tão lembrada nem por ele, nem por seus fãs.

Digo, fãs fora do Brasil. O que para Rivers foi uma surpresa, na primeira apresentação no Brasil em que os fãs pediam por esta canção.

Menina Enciclopédia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui!!!