0396 - Black Hole Sun - Paul Anka [2005]

Poucas bandas do grunge dos anos 90 foram tão sombrias quanto o Soundgarden. Diferente de seus contemporâneos Pearl Jam e Nirvana, os quais possuíam uma influência maior do punk rock garageiro, a banda liderada por Chris Cornell  tinha em suas veias o heavy metal e o hard rock. Tanto é assim que em um de seus primeiros rebentos de grande sucesso a ganhar o mainstream nos anos 90 foi Rusty Cage, uma espécie de Born To Be Wild do Steppenwolf com Paranoid do Black Sabbath.

Mas o auge comercial e aclamação incondicional do Soundgarden por parte do grande público e da crítica veio com o álbum ainda mais obscuro. Lançado em 1994 – meses antes da morte Kurt Cobain do Nirvana – Superunknown foi o quarto disco de estúdio do Soundgarden e é repleto de músicas que falam sobre depressão, violência e suicídios. Foi deste álbum que emergiu Black Hole Sun, o maior sucesso da banda até hoje.

Se analisado apenas do ponto de vista do lirismo da canção composta por Chris Cornell, poucos acreditariam que Black Hole Sun resultaria num sucesso atemporal e comercial. Afinal versos como “Boiling heat, summer stench / Neath the black / The sky looks dead / Call my name / Through the dream / And I’ll hear you scream again” parecem arder até no inferno. Mas da perspectiva da musicalidade, seus acordes e compassos quase psicodélicos parecem até retirar parte do “peso” destes versos malditos. 

Em entrevista dada a revista Rolling Stone em Abril de 2014 pelos 20 anos do lançamento de Superunknown, Dave Grohl, baterista do Nirvana e líder do Foo Fighters, resumiu em poucas palavras o que representava aquele álbum e a música Black Hole Sun: “Para mim, era o encontro perfeito entre os Beatles e o Black Sabbath”. 

No mundo da música sempre existiram artistas que embalaram por anos os casais apaixonados. Entre eles, podemos citar o cantor e compositor Paul Anka e suas músicas românticas como Diana ou Put Your Head On My Shoulder.

Anka, apesar de ser reconhecido como um ótimo compositor, sua habilidade como intérprete é igual ou superior. Em 2005, inspirado pela ideia de dar um tratamento jazzísticos para músicas do pop rock, o artista canadense lançou o álbum Rock Swings que transformou em standards hits dos anos 80 e 90. Rock Swings já pintou no 1001 Covers em 2009, quando resenhamos a respeito da ótima versão para Smells Like Teen Spirit feito por Anka – confira aqui

Outro grande destaque deste trabalho é justamente Black Hole Sun. Na contramão da lugubridade do Soundgarden, Paul Anka conseguiu imprimir um swing que a deixou mais leve e alegre. E de quebra, podemos dizer que Anka conseguiu aproximar o som do Soundgarden ao melhor estilo Frank Sinatra de interpretação. Confira!


Persiolino

12 comentários:

  1. Paul Anka e Soundgarden, como diria George Costanza, "worlds collide". rs Bem legal a versão. :)

    ResponderExcluir
  2. saya sangat senang bisa berkunjung ke blog anda.. semoga tetap eksis ngeblog

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!