0150 - Silver Stallion - Cat Power [2008]

Quem foi ao Parque da Cidade de São José dos Campos (SP) na semana passada pode ver uma das melhores cantoras da atualidade em ação: a talentosa e versátil Cat Power – que já apareceu aqui no 1001 Covers numa fantástica re-interpretação de New York, New York.

Talento é o que não falta nesta moça. Sua voz suave, sussurrada em alguns momentos, pareceu sair sem muitos esforços de sua garganta. Com uma platéia calma, que quase não conhecia seu trabalho, chegou a ser hipnotizante ouvir Cat Power num belo final de tarde inserido naquele bonito entorno natural.

Além deste talento vocal, Cat compõe muito bem. Em geral, suas letras falam de desilusões amorosas e de decepções que a vida nos prega. Composições como Metal Heart e Lived In Bars, que se tornaram uma espécie de hino no mundo indie, estiveram presentes no set list de São José. Seus discos sempre são bem recebidos pela crítica especializada. You’re Free, trabalho que contém, em sua maior parte, músicas autorais, é para mim um dos 100 melhores discos da década passada. Deste disco veio uma excelente interpretação de I Don’t Blame You logo no começinho do show.

Versatilidade é uma constante em sua carreira. Ela que já re-interpretou Wonderwall (super hit do Oasis) e We Dance (composição sombria do Pavement), aproveitou o último trabalho intitulado Jukebox (2008), para homenagear grandes clássicos do jazz e folk norte-americano. E foi este trabalho que deu o tom de sua apresentação nesta Virada Cultural Paulista de 2010. As belas covers de Rambling (Wo)man (obra-prima de Hank Williams) e Lost Someone (hit R&B de James Brown) também marcaram presença em sua apresentação.

Mas dentre todas as jóias apresentadas, a que mais me chamou a atenção no show foi a cover de Silver Stallion, originalmente composta por Lee Clayton em 1979 para o álbum Border Affair.


Mas Silver Stallion só se tornou um grande sucesso mesmo com o super-grupo de música country The Highwaymen. O Highwaymen seria o equivalente country do super-grupo de rock Travelling Willburys (que também já apareceu por aqui). Formado pelo fantástico Johnny Cash, Waylon Jennings (baixista da lendária banda de Buddy Holly), Willie Nelson e Kris Kristofferson (famoso por ter composto a canção Me And Bobby McGee e por ter sido namorado de Janis Joplin até a sua morte), o Highwaymen emplacou Silver Stallion na 25ª posição nas paradas de sucesso norte-americana em 1990.


A versão de Cat Power não possui os mesmos riffs e nem o quarteto vocal existentes na versão do Highwaymen. É uma releitura mais singela, blues, perfeita para momentos de descanso regados a um bom drink...whisky cowboy de preferência...

Persiolino

Um comentário:

  1. não conhecia essa super banda country e gostei bastante na voz da gata com poder rsrs

    ResponderExcluir

Comente aqui!!!